00

10 Provas de que o Multiverso Existe

No nosso Universo, você está lendo o Ei Nerd. Em outro, Ei Nerd não existe – e nem este artigo. Em outro, o artigo existe, mas a internet não, e ele está sendo publicado em tábuas de pedra. Se você vive nesse tal Universo, provavelmente estará prestando atenção nas oito patas da aranha colossal que vaga pela Terra e carrega você e seu lar. O conceito de realidades alternativas apareceu na ficção científica, mas é um daqueles conceitos que pode realmente ter alguma base na realidade.

Mecânica quântica, diferentes planos de existência e um martelo que ninguém pode identificar a data de fabricação são peças imperiosas de evidências que comprovam que realidades alternativas são reais. Nesse Universo, pelo menos.

1. A Teoria dos Muitos Mundos

01

Em 1957, o físico Hugh Everett forneceu uma teoria das múltiplas realidades que resultou na mecânica quântica, sugerindo que todas as possíveis histórias alternativas e futuros são reais dentro de seus próprios mundos. Poderia ser muito mais complicado do que isso, mas a versão que a maioria vai entender é que há um grande – possivelmente infinito – número de Universos, e tudo o que poderia ter acontecido em nosso passado, ocorreu em alguma outra realidade.

A fórmula foi ampliada e popularizada pela teoria dos muitos mundos de Bryce Seligman DeWit e é apenas uma das muitas hipóteses sobre o multiverso em física e filosofia. É a mais conhecida, no entanto, e aquela com a base de apoio mais científico. Por mais que seja um conceito sci-fi, a teoria dos muitos mundos é, na verdade, uma das ideias mais pesquisadas da ciência, apesar de parecer estranha.

2. Artefatos Bizarros

02

Aqui está mais um pouco de ciência pra você. Na verdade, há um número significativo de artefatos, encontrados através de escavações arqueológicas ou de outra forma, que ninguém consegue explicar as origens. Algumas são sobras empoeiradas de civilizações antigas, outras os especialistas não conseguem determinar da onde realmente veio. A datação por carbono não funciona, os artefatos não se familiarizam com qualquer período particular da história, qualquer que seja. Há o martelo de Londres, descoberto nos anos 30, datado 500 milhões de anos antes de Cristo – antes da vida humana começar.

Ou o infame mecanismo de Antikythera, uma espécie de computador de pedra encontrado perto de uma ilha grega, que ninguém pode explicar. Assim que é com todas estas coisas estranhas? Elas são simplesmente artefatos de eras e civilizações que nunca foram registradas? Elas são uma espécie de sobra de viajantes do tempo? São falsificações? Ou elas poderiam ser algum tipo de objeto de uma realidade alternativa que, de alguma forma, escapou pra nossa?

3. A História de Lerina García

03

Você acha que são piadas, mas há um número suficiente delas que batem e estão prestes a dar-lhes um grau de legitimidade no caso das realidades alternativas. É por isso que a história de tabloide de Lerina García é uma emenda tão convincente de evidências, quando se trata de provar a existência de múltiplos mundos, depois de ter sido apanhada por agências de notícias ao redor do mundo e estar aparentemente acima de qualquer tipo de explicação racional. A jovem acordou um dia e percebeu que nada ao seu redor era familiar – sua casa, seu trabalho, seus amigos – como se ela tivesse desembarcado em outro planeta.

Lerina não era uma estrangeira, obviamente. A verdade era muito mais aterrorizante: a razão pra ela não reconhecer seus colegas de trabalho ou os objetos de sua casa era porque ela escorregou numa dimensão alternativa. Todas as pequenas incongruências fizeram outras explicações parecerem impossíveis. Isto é, se não for uma brincadeira ou e ela apenas sofra de amnésia. Mas isso iria estragar a diversão, não é?

4. Déjà Vu

05

É uma das experiências mais singulares que você pode ter e, no entanto, aconteceu a quase todos: a sensação estranha de déjà vu, onde você entra em uma situação ou faz uma ação ou vê alguma coisa e tem a sensação de que aquilo já aconteceu antes. Normalmente, ele é considerado apenas uma confusão do cérebro, talvez a adaptação da memória pra pensar que algo é mais familiar do que realmente é. Ainda mais estranho é o déjà vecu, a sensação de que você sabe o que vai acontecer a seguir.

Há também o alter vu, quando alguém se lembra da sua história de forma diferente. As pessoas percebem o mundo ao seu redor como estranho, porque elas reconhecem tanto a história que lembram quanto aquela que está se desenrolando ao mesmo tempo. É como uma versão extrema de déjà vu, com a implicação de alguns sendo, teoricamente, “memórias” de outras versões de nós mesmos, em outros Universos. Muito Louco.

5. Sonhos e Outras Coisas Inexplicáveis

04

Nosso cérebro é cheio de disparates inexplicáveis. Mesmo com as grandes descobertas na neurociência, técnicas de pesquisa e similares, ainda estamos longe de realmente entender como a mente funciona. Tudo o que temos são teorias psicológicas e fisiológicas sobre a personalidade, por que rimos, o que é o amor. E a parte mais louca da nossa vida quotidiana ninguém pode explicar: os sonhos.

O que são sonhos? Eles poderiam ser o cérebro numa viagem através dos pensamentos, lembranças e ansiedades, ou os disparos aleatórios de sinapses, ou uma espécie de mistura de tudo isso, o cérebro adormecido tentando colocar uma variedade de imagens em uma narrativa de trabalho. A quarta opção, entretanto, é que a entrada no sono REM é o mais próximo que podemos chegar a visitar os mundos alternativos, que geralmente estão além da nossa compreensão, como janelas pra outros mundos. O que tornaria Inception ainda mais legal.

6. O Visitante de Taured

06

Se você pensou que Lerina García era incompreensível, olhe isso. Nos anos 50, histórias bizarras eram raras, quando as notícias tendiam a ser um pouco mais plausíveis e inventar tais histórias exigia muito mais esforço do que recompensava.

Foi quando a humanidade foi visitada por um homem de Taured. Em 1954, um homem chegou no aeroporto de Tóquio com um passaporte de um país que não existia. Ele foi detido, sob a acusação de transportar documentos falsos pra tentar entrar no Japão, mas ele foi inflexível: Taured era um lugar real, um país europeu, com milhares de anos de história, e entregou outros papeis – extratos bancários e afins – com o nome. Depois de várias horas, ele foi colocado num hotel, e então desapareceu. E nunca mais foi encontrado.

7. Atividades Paranormais

07

Há uma abundância de provas de que fantasmas existem. Isso não é o mesmo que dizer que há uma abundância de provas que almas dos mortos vagam por aí, assombrando determinados locais porque têm alguns negócios inacabados ou sofrido uma morte violenta, com uma propensão pra usar roupas brancas e arrastar cadeiras. Parece bastante ignorante e ingênuo desconsiderar totalmente os séculos de histórias sobre espíritos e fantasmas – e também seria tolice supor imediatamente que eles estão mortos.

Uma das maiores explicações científicas pras manifestações espectrais é que elas são algo além do domínio habitual da compreensão humana, os seres com os quais geralmente não estamos em sintonia, ou que não costumam fazer a sua presença conhecida. Nesse caso, eles poderiam ser algum sangramento através de um mundo ou realidade alternativa, um monte de falhas de ignição de elétrons que tenham desembarcado no avião errado da existência. Ou poderia haver um Universo alternativo preenchido pelo falecido. Como em Doctor Who!

8. A Quinta Dimensão

08

Interstellar, de Christopher Nolan, é o último de uma longa linha de filmes que tratam de mundos paralelos, mas é também um dos primeiros a realmente tratar sobre isso de forma realista. Ou, você sabe, “realista”. Especificamente – alerta spoiler – a sequência final do filme, quando a astronauta heroica de Matthew McConaughey Cooper voa através de um buraco negro e entra na quinta dimensão, que se pensava ser além da compreensão humana. Que é algo que realmente existe.

Bem, teoricamente, pelo menos. Provavelmente não seria parecido com o que ela faz no filme, porque ela não se parece com nada. Nossa compreensão do Universo existe num vetor 3D. Na realidade há uma quarta dimensão – o tempo -, e os seres humanos só são capazes de visualizar fatias estáticas desse sistema 4D. Além disso, há também a quinta dimensão, a camada que divide as realidades paralelas.

9. A experiência da Dupla Fenda

09

Ok, então se você quiser entrar na ciência difícil de como múltiplas dimensões iria funcionar, aqui está. De acordo com a mecânica quântica, que descreve os movimentos e interações de partículas a um nível sub-atômico, temos uma boa ideia de como o Universo funciona, observando o comportamento dos elétrons e fótons. O que, aparentemente, pode estar em vários lugares ou múltiplos estados de existência em simultâneo.

É um teste muito simples, se você tiver o material certo. É só atirar um elétron através de uma folha com duas fendas verticais. Observando a imagem que se faz dos elétrons passando pelas duas fendas abertas ao mesmo tempo, deveríamos observar uma figura consistente onde houvesse a simples superposição dos feixes complementares. O fenômeno da difração eletrônica mostra que, na realidade, obtemos uma figura de difração que ocorre em virtude da interferência e não se reduz de modo algum à simples soma das figuras produzidas por cada uma das fendas separadamente. Então, qual é o problema? É porque o elétron é existente em vários lugares ao mesmo tempo.

10. O Acelerador de Partículas

10

“O multiverso não é mais um modelo, é uma consequência dos nossos modelos.” Isso é uma citação de Aurelien Barrau, físico de partículas do CERN. O Grande Colisor de Hádrons foi submetido a quantidades infinitas de lendas urbanas e entendimentos pseudocientíficos de que todos aqueles pesquisadores estavam começando o fim do mundo. Claro, eles disseram que estavam procurando o bóson de Higgs, mas o que isso realmente significa? O mais provável é que eles estavam criando um buraco negro e desfazendo toda a realidade.

Na verdade isso não teria sido um problema, porque a CERN pode ter tropeçado na evidência mais convincente pra existência de realidades alternativas. Arremessando um monte de partículas em enorme velocidade, o grande colisor de hádrons deveria nos dar alguma compreensão dos 96% do Universo que ainda não compreendemos. Eles mediram como as partículas desaparecem – presumivelmente pra outras dimensões ou planos de existência.

É basicamente um somatório de tudo nessa lista.

Deixe seu voto

4 points
Up Down

Votos totais: 6

Up: 5

Porcentagem de upvotos: 83.333333%

Down: 1

Downvotes percentage: 16.666667%


Quer enviar uma lista ou artigo? (Pode até virar video no canal!) Clique aqui!

Seja bem vindo ao Ei Nerd.

ou

Login

Esqueceu a senha?

Não tem uma conta? Cadastre-se

Fechar
de

Processando arquivos...

rogue one poster
Quais são as possíveis conexões entre Rogue One e The Last Jedi?
carol the walking dead
Os 5 momentos mais memoráveis de Carol em The Walking Dead
zumbilândia
10 sequências de filmes que você não sabia que estavam sendo feitas
george lucas
Os 10 melhores elementos de Star Wars que não foram criados por George Lucas
rogue one poster
Quais são as possíveis conexões entre Rogue One e The Last Jedi?
fb-logan-wolverine
Hugh Jackman garante que não irá mais interpretar o Wolverine
Mel-Gibson-Esquadrão-Suicida-2
Mel Gibson pode ser o diretor de Esquadrão Suicida 2
4-3
Próxima temporada de American Horror Story se passará durante eleições americanas
dc looney 03 - Copia
Looney Tunes e heróis da DC e vão se encontrar nos quadrinhos
i am groot fb
Marvel produzirá nova série em quadrinhos de Baby Groot
beyonce-america-comic-marvel
Marvel terá heroína latina, homossexual e inspirada em Beyoncé
Batman-do-Futuro
Batman do Futuro ganha novo uniforme nos quadrinhos
dragon-ball-the-legendary-warrior
Fã produz filme sombrio de Dragon Ball; veja trailer
samurai-x-anime
Bandai Namco anuncia que lançará game de Samurai X para smartphones
goku
Criador de Dragon Ball, Akira Toriyama questiona imagem heroica de Goku
inuyasha
InuYasha será adaptado para o teatro no Japão; confira imagem
sanguinolência
A sanguinolência nos jogos é importante ou é só grosseria?
03124001480116
Crash Bandicoot: Remasterização da trilogia ganha data de lançamento
crash bandicoot 01
Activision divulga novas imagens de Crash Bandicoot N. Sane Trilogy
maxresdefault
Projeto que seria remake de Resident Evil 2 ganha financiamento