10 espécies extintas menos conhecidas

A extinção, não importa como você veja, é natural. Mas só porque é natural, não nega o fato de que a biodiversidade é necessária no mundo. Os seres humanos são geralmente a culpa pelo desaparecimento de muitas espécies e, apesar de ser verdade, nunca é apenas um fator. Aqui estão 10 espécies de animais extintos que você provavelmente nunca ouviu falar que já habitaram esta terra.

10 – Sivathere

Sivathere

Um mamífero estranho, o Sivathere tinha a aparência de uma girafa misturado com um cavalo e, de fato, a sua linha de descendentes fo a um ramo da família girafa. O maior já descoberto media 2,2 metros e, como a girafa, era um herbívoro. Seu crânio, porém, era muito pesado, exigindo músculos fortes no pescoço. Seus chifres são outra semelhança com a girafa, mas muito mais importante, pensava-se que esses dois chifres e o crânio pesado eram para marcação de domínio durante a época de reprodução. Os machos cabeceavam entre si para conquistar uma companheira.
Os dados sobre o seu desaparecimento são escassos, mas é amplamente pensado que a mudança no clima e a competição com outros animais foi mais do que puderam aguentar. Eles desapareceram por volta de 5.000 anos atrás.

9 – Quinkana

Quinkana

Encontrado apenas na Austrália e no Pacífico sul. Ao contrário do crocodilos de hoje, o Quinkana tinha uma forma do corpo muito diferente. Mesmo que nenhum osso do antigo réptil nunca tenha sido encontrado, os dados de outros crocodilos antigos da época mostra que eles tinham pernas relativamente longas. Isso o fez melhor adaptados à vida em terra do que na água, assim eles foram um dos muitos crocodilos terrestres habitando na época. Isso não fazia deles corredores de maratona, mas ainda assim, um predador formidável a temer.
Este réptil é pensado por ter tido algo em torno de 3 metros de comprimento, tornando-o perfeito para caçar a megafauna na época, mas como um morador da terra, tem a desvantagem de ser incapaz de arrastar sua presa sob a água, por isso é considerado que o Quinkana tinha caçava presas menores com seus dentes curvos, perfeitos para cortar. É incerto quando este magnífico réptil tornou-se extinto, mas acredita-se ter desaparecido na mesma época de outro membro da megafauna da Austrália, em torno do ponto do aparecimento dos seres humanos e da mudança do clima.

Veja também:  O Surfista Prateado já foi membro dos Vingadores nas HQs?

8 – Quelili

Quelili

Este pássaro foi encontrado apenas na ilha de Guadalupe. Ele era um predador de sucesso e foi provavelmente o predador dominante na ilha por dezenas de milhares de anos. Não a maior das aves, ele passou a maior parte de seu tempo a caça presas que poderiam ser facilmente dominadas, como ratos e pequenos pássaros. Teria também recorrido ao que se chama de “limpeza” por causa de sua capacidade fraca de voar.
Este pássaro começou a lutar quando os seres humanos começaram a chegar na ilha; com eles trouxeram cabras e eles imediatamente foram marcados como assassinos. Eles foram, simplesmente, caçados até a extinção. A última aparição conhecida foi em 1901.

7 – Warrah

Warrah

Uma das poucas espécies de mamíferos da Ilha Falkland, também conhecida como a raposa das ilhas Falkland, o Warrah ainda não foi identificado se era uma raposa ou um lobo, pois mostra características das duas espécies. Ele tem uma cabeça bastante larga como um lobo, mas um rabo peludo e grosso como uma raposa, e também como uma raposa, escava covis. Ele mede cerca de 1,6 metros de comprimento. que é o dobro do tamanho de uma raposa vermelha, mas só ficava a 60 centímetros do chão, devido às suas pernas curtas.
Devido à falta de concorrência, o Warrah prosperou nas ilhas, até a chegada dos seres humanos. Com eles trouxeram ovelhas e como todas as espécies de cães, o Warrah aproveitou esta nova fonte de comida, e os agricultores não gostaram nada disso. Ele foi caçado até a extinção por perseguição e havia o mito deles sugarem o sangue de suas presas. O último animal conhecido foi morto em 1876.

6 – Coruja gigante cubana

Coruja gigante cubana

Só encontrada em Cuba, esta coruja passou a maior parte de sua vida na terra, pela razão óbvia de seu tamanho. No entanto, não abandonou pod completo o poder de voar e era capaz de realizar rajadas curtas, muito parecido com um peru. Como todas as corujas, tinha um agudo senso de audição e visão, permitindo-lhes caçar presas em baixos níveis de luz. Também foi especulado que a coruja gigante cubana era um corredor bem sucedido e era capaz de perseguir a presa antes de despachá-la.
A coruja ofuscaria a maioria das corujas modernas por ter uma altura – de pé – de 1 metro. Também tinha o dobro do peso da mais pesado coruja de hoje. Mais uma vez os seres humanos foram os responsáveis por sua extinção, com um grande terreno de habitação que para o pássaro significava uma caça fácil, mais os animais, como ratos que foram trazidos com os humanos, se apresentavam como trabalho fácil para essas aves. O último da espécie morreu cerca de 8.000 anos atrás.

Veja também:  Homem sem Medo, Mercenário e mais: tudo sobre o final da 3ª temporada de Demolidor

5 – Ratão da pradaria

Ratão da pradaria

Não maior do que um gato, este pequeno marsupial percorria as outbacks da Austrália. Suas características mais interessante eram seus pés e pernas – pernas finas e pés de porco – também conhecidos como pés de folha. O ratão da pradaria era ao mesmo tempo rápido e muita resistente, sendo capaz de correr por um longo período de tempo.
A coisa mais interessante sobre esta espécie é a maneira como eles desapareceram. Seu declínio começou quando os europeus começaram a se espalhar por toda a Austrália e o último espécime conhecido foi coletado em 1901, mas alguns sugerem que a espécie sobreviveu até a década de 1950. A parte interessante foi quando o zoólogo Gerard Krefft foi chamado para procurar o ratão da pradaria extinto; a sorte estava do seu lado e com a ajuda dos aborígines, conseguiu encontrar dois desses animais. Registrou o seu comportamento por algum tempo, mas depois de se perder ele comeu ambas as amostras.

4 – Leopardo americano

Leopardo americano

Tendo algumas semelhanças com seu parente africano e notavelmente semelhante, este é pensado por ter sofrido evolução convergente. Isso é quando duas espécies não relacionadas evoluem e acabam parecendo uma com o outra. A americana, no entanto, teve algumas diferenças com a contrapartida africana. O norte-americano era cerca de 10 kg mais pesado, suas garras eram completamente retráteis e os membros anteriores eram muito mais resistentes do que a africana. Tudo isso sugere que a americana não era uma corredora especializada.
Como a maioria dos predadores da América, morreu de uma combinação de mudanças climáticas, esgotamento de fonte de alimento e invasão de seres humanos. O último conhecido sobreviveu em torno de 10.000 anos atrás

3 – Du

Du

Estar em uma ilha sempre tem suas vantagens quando não há predadores ao redor para comer você – aves, por exemplo, já não precisariam do poder de voar e evoluiram de uma maneira que tornou o ato de voar impossível para elas. A du tem um monte de mistério, e ninguém sabe ao certo como se parecia. No entanto, em comparação com o Malleefowl e o Malleefowl, ele cavava montes para atuar como ninhos. Estes ninhos escavados eram, em média, de 5 metros de altura e 50 metros de diâmetro. Estes ninhos foram praticamente tudo o que o du deixou para trás, cerca de 4.000 anos.
Uma espécie sempre surge quando você é um herbívoro pacífico em uma ilha livre de predadores e a morte do du não foi exceção. A chegada dos seres humanos é o melhor palpite de sua causa de extinção quando chegaram nas ilhas australianas. Presas fáceis como esta ave gigante desapareceram cerca de 1.500 anos atrás.

Veja também:  Como o Wolverine fez o Venom se tornar um herói

2 – Moa

Moa

Não deve ser confundido com o pássaro elefante; havia cerca de 10-15 espécies de moa, e algumas crescem mais do que o pássaro elefante. Encontrado nas ilhas da Nova Zelândia, as ilhas estavam livres de mamíferos e assim, sem qualquer tipo de concorrência, o moa cresceu e evoluiu de forma única e mais uma vez perdeu o poder de voar, uma vez que era desnecessário. O mais alto já encontrado foi um enorme de 4 metros e foi especulado que pesava em torno de 275 kg. Um ovo seria igual a cerca de 100 ovos de galinha.
Mais uma vez os seres humanos encontraram o seu caminho para as ilhas e as moa eram presas fáceis. Sendo aves com crescimento lento, não atingiam a maturidade sexual por vários anos. A combinação da chegada dos seres humanos e da perda de habitat fez esse pássaro desaparecer em algum lugar em 1500.

1 – Águia de Haast

Águia de Haast

Agora, se você pensou que a moa era grande, então conheça o seu predador. A águia de Haast era uma enorme ave de rapina que era uma caçadora especialista em moa. Ele tinha uma envergadura de cerca de 2,6 metros e cerca de 1,1 metros de altura. Tinha garras de até sete centímetros. Acredita-se que mergulhava sobre sua presa com tanta força que fazia com que caíssem. Se este golpe não te matasse, suas garras enormes iriam perfurar e causar hemorragia interna grave.
O desaparecimento de sua presa significa que a águia de Haast morreu por falta de comida. A chegada dos seres humanos que caçavam e destruíram seu habitat fez a águia de Haast desaparecer cerca de 500 anos atrás.


Quer enviar uma lista ou artigo? (Pode até virar video no canal!) Clique aqui!

Log in

With social network:

Or with username:

You’ll be automatically logged in 5 seconds.

Esqueceu a senha?

Não tem uma conta? Registre-se

Esqueceu sua senha?

Digite seus dados de conta e nós enviaremos a você um link para recuperar sua senha.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Log in

Privacy Policy

Fechar
de

Processing files…

Voz de Broly fala sobre motivação do vilão em Dragon Ball Super: Broly
HBO confirma quando estreia última temporada de Game of Thrones; veja teaser
WiFi Ralph terá curta aparição de Stan Lee em cena de perseguição
Estrela de Stan Lee na calçada da fama recebe homenagens dos fãs
Estrela de Stan Lee na calçada da fama recebe homenagens dos fãs
Até o Exército americano lamentou a morte de Stan Lee
Elenco da Marvel reage à morte do quadrinista Stan Lee; veja
Concorrentes, DC e Archie Comics publicam homenagens a Stan Lee
Voz de Broly fala sobre motivação do vilão em Dragon Ball Super: Broly
Filme live-action dos Cavaleiros do Zodíaco tem sinopse revelada; confira
Vila da Folha de Naruto será construída em tamanho natural no Japão
Dragon Ball Super: Broly tem novo trailer divulgado; assista
Enem 2018 teve questão de matemática relacionada ao jogo Minecraft
Dona do League of Legends, Riot Games é acusada de assédio sexual
Microsoft disponibiliza PES 2019 gratuitamente para Xbox One
Player Unknown’s Battlegrounds está disponível de graça para Xbox One
The Walking Dead: o que mudou na série após a saída de Rick
As 10 melhores aparições de Stan Lee
7 personagens que poderiam aparecer no filme de Breaking Bad
Gamora, Loki e mais: personagens mortos que devem retornar em Vingadores 4
Novos modelos de iPhone chegam ao Brasil atraindo poucos clientes
Samsung apresenta seu aguardado smartphone com tela dobrável
Apple deve lançar app de streaming para concorrer com Netflix em 2019
Estratégia e câmbio: por que os novos iPhone estão tão caros no Brasil