10 motivos para ficarmos animados com O Justiceiro

Agora que os fãs de séries da parceira Marvel-Netflix já puderam assistir Os Defensores, o tão aguardado crossover do Demolidor, Jessica Jones, Luke Cage e Punho de Ferro, o seriado da vez é O Justiceiro.

Frank Castle fez sua primeira aparição no Universo Cinematográfico da Marvel (UCM) na segunda temporada de Demolidor, e ao que tudo indica, sua série solo deve estrear em novembro. E também já é muito aguardada pelos fãs.

Confira abaixo 10 motivos para ficarmos animados com O Justiceiro

10) Inspiração na história Punisher Max

justiceiro1

Qualquer fã dos quadrinhos mais recentes do Justiceiro falará que a melhor versão do personagem foi retratada na história Punisher: Max, de Garth Ennis e Steve Dillon, no início dos anos 2000.

A série, apesar de estar ligada com a principal linha do tempo da Marvel, foi além para poder dissecar a psicologia por trás do personagem. Ennis também escreveu o quadrinho Born, que revelou a desconfortável verdade a respeito da natureza violenta do vigilante.

Em Born, nós pudemos presenciar o período em que Frank Castle serviu o exército dos EUA, durante a Guerra do Vietnã. Seu pelotão é atacado pelo exército de Viet Congs, e por algum milagre, ele foi o único sobrevivente. Muitos acreditam que o evento foi o responsável por transformar o personagem, já que ele fez um pacto com um demônio para conseguir sobreviver ao massacre.

O teaser lançado recentemente mostrou os dias de exército de Frank Castle, sendo que no seriado, o Vietnã é substituído pelo Afeganistão. Será que Born será adaptado para as telinhas?

9) John Bernthal

justiceiro2

O ator John Bernthal é a revelação completa de Frank Castle.

Bernthal já emprestou seu talento para diversos outros projetos no passado, mas a maneira em que ele trata o Justiceiro é algo que já é, no mínimo, interessante.

Apesar de Finn Jones ter melhorado como Punho de Ferro em Os Defensores, ele ainda não parece ter sido a escolha perfeita para o personagem. Já Charlie Cox, Krysten Ritter e Mike Colter se encaixaram perfeitamente em seus papéis, como Demolidor, Jessica Jones e Luke Cage, respectivamente. E já podemos dizer que o mesmo ocorreu com Jon Bernthal.

8) O showrunner trabalhou na série de Hannibal

justiceiro3

Se você gostou da série de Hannibal, com certeza ficará animado com o fato de que Steven Lighfoot, o showrunner da série, também está por trás de O Justiceiro.

Veja também:  Todd Helbing explica porque The Flash não terá outro vilão velocista

O envolvimento de Lightfoot na série é muito encorajador. As duas primeiras temporadas de Hannibal causaram certo impacto, e apesar da terceira demorar um pouco para engrenar, também foi fantástica. Com a ajuda das ótimas atuações dos atores Mads Mikkelsen e Hugh Dancy, a show ganhou reputação por sua convincente adaptação dos livros do autor Thomas Harris, e com tamanha reputação em jogo, existem diversas razões para ficarmos otimistas com o envolvimento de Lightfoot em O Justiceiro.

Também já sabemos que ele escreveu os três primeiros episódios da série, então espere um início muito forte. Já existe a suspeita de que pode ser uma das séries mais sombrias da Netflix, então se prepare para ver muita violência.

7) A segunda temporada de Demolidor foi o ápice do Universo Cinematográfico da Marvel (UCM)

justiceiro4

Apesar de suas falhas, a segunda temporada de Demolidor foi fundamental em retratar a personalidade de Matt Murdock, e introduziu um novo personagem de forma perfeita: o próprio Frank Castle.

O Justiceiro de John Bernthal ajudou a elevar o nível da série em seu primeiros episódios, com direito a algumas menções a história Max, citada anteriormente, o que foi alvo de elogios de novos e velhos fãs. As coisas não foram mais as mesmas desde então (apesar de muitos gostarem da primeira metade da série solo de Luke Cage), e com o retorno do Justiceiro, o nível de qualidade deve voltar.

A verdade é que, diferente dos demais heróis da Marvel, ele não foi feito para ser celebrado. No entanto, ele possui tudo que um bom personagem dos quadrinhos necessita, sendo que a força do Justiceiro está baseada em sua complexidade moral, o que é um bom contraste com as demais forças das séries da Marvel.

6) Mais Karen Page

justiceiro5

Deborah Ann Woll foi uma escolha fantástica para Karen Page, então não é surpresa ficar animado com sua presença em O Justiceiro.

Os momentos que Page e Castle tiveram na segunda temporada de Demolidor foram inesquecíveis. “Frank tem um lugar especial no coração de Karen, e com a história sombria que Karen tem, existem poucas pessoas com as quais ela pode ser ela mesma. Frank é alguém que tem o potencial para que ela faça isso”, disse Woll.

Por conta de todos os momentos de Page, Foggy e Matt em Demolidor, é fácil esquecer a trágica história de fundo da personagem. Ela foi culpada por um assassinato e foi forçada a matar Wesley, o braço direito do Rei do Crime, em uma ato de legítima defesa. E adicione aí o fato de que ela possui uma história ainda mais sombria antes dos eventos de Demolidor.

Veja também:  Liga da Justiça: confira os momentos de destaque do terceiro trailer

Tudo deve ser destrinchado na terceira temporada de Demolidor. Mas será interessante ver o tratamento de Karen com Frank, agora que o mundo acredita que Matt está morto.

5) Sem o Tentáculo? Isso não é um problema

justiceiro6

Se você perguntar sobre os pontos fracos de Os Defensores, uma resposta comum terá relação com o Tentáculo.

O misterioso grupo ninja está presente no UCM desde a introdução de Madame Gao na primeira temporada de Demolidor, e já foram responsáveis por muitas coisas desde então. Só que após os Defensores se formarem, o grupo parece ter estagnado, e está ficando claro – apesar da presença de Sigourney Weaver – que já está abusando do convite de boas vindas.

Para nossa sorte, o Tentáculo não é uma das preocupações de Castle. Apesar das séries utilizarem muitos elementos místicos – o que não é exatamente um problema – será interessante ver que O Justiceiro deixará essa temática um pouco de lado. Ao invés disso, devemos ver uma história que deve focar no passado turbulento de Frank Castle.

4) Micro

justiceiro7

Homem-Aranha: De Volta ao Lar nos introduziu Ned, que foi um ótimo “amigo do herói”, principalmente por auxiliá-lo em diversos momentos. Mas se há alguém que está no mesmo patamar é Micro, o braço direito de Frank Castle.

Introduzido no quarto volume da série principal do Justiceiro nos quadrinhos, David Lieberman é o responsavel em fornecer informações e equipamentos para que Castle continue com sua carreira de vigilante. De certa forma, ele é a parte consciente da operação, e já conseguiu controlar as tendências mais extremas do anti-herói.

Na série, Micro será interpretado pelo ator Ebom Moss-Bachrach, que já apareceu em diversos filmes e séries de TV nos últimos anos.

3) Billy Russo tem uma parte importante… como Jigsaw?

justiceiro8

Billy Russo quase sempre foi, literalmente, destroçado quando se encontro com Frank Castle. Desfigurado e cheio de raiva, Russo assumiu a identidade de Jigsaw e faz de tudo para conseguir acabar com o homem que deixou sua face cheia de cicatrizes. Ele é relativamente perturbado, então deve ser uma adição interessante para a série.

Veja também:  Por que a Marvel adora vilões iguais aos heróis?

Ben Barnes assumirá o papel, mas, diferente de suas origens, será retratado como um antigo aliado de Castle nos seus dias no exército dos EUA. Aqui, ele será dono de um exército privado, então já podemos imaginar o que deve vir pela frente.

2) O envolvimento de Tyler Bates

Indiscutivelmente um dos compositores mais talentosos  de Hollywood no momento, Tyler Bates ficou famoso por seu trabalho em John Wick (filme com temática semelhante a de Justiceiro) e Guardiões da Galáxia, apesar de também ser ainda mais conhecido por ser o principal guitarrista da banda Marilyn Manson.

John Wick ganha muito crédito por ser um brilhante filme de ação, mas a trilha de Bates também merece muita atenção. Foi um acompanhamento perfeito para a vingança de um homem – algo semelhante com o que Frank Castle faz.

Ele é o cara perfeito para o trabalho, e se O Justiceiro conseguir ter metade do brilhantismo de John Wick, o sucesso é garantido.

1) Uma nova fase

justiceiro9

Mesmo que você não seja um grande fã do personagem, no senso tradicional, os traços únicos de Frank Castle não podem ser ignorados. Ele não é um herói, e nem deveria ser. Na realidade, o vigilante é um anti-herói com suas nuances – e que costuma ser pouco compreendido – e que pode se encaixar com os pontos positivos que a séries já retrataram.

Sua ascensão, com direito a uma série solo, marca um novo capítulo no catálogo da Netflix, pois deve pavimentar um caminho para mais séries sérias e sombrias do Universo Marvel. É importante se lembrar que há sete anos, o segundo filme do Justiceiro foi uma bomba, e como ocorreu com o Demolidor, uma nova aparição parecia improvável.

Bem, Frank Castle parece melhor do que nunca. Seu retorno, sem sombra de dúvidas, irá revigorar as séries da parceria Marvel-Netflix, bem como lançar a ideia de reviver heróis esquecidos, como Blade e o Motoqueiro Fantasma (que apareceu em Agentes da S.H.I.E.L.D, e já existe especulação de uma série solo).

O UCM só cresce cada vez mais, e se O Justiceiro for o sucesso que já esperamos ser, podemos esperar que novos personagens da Marvel ganhem suas séries no futuro.

Fonte: WhatCulture


Quer enviar uma lista ou artigo? (Pode até virar video no canal!) Clique aqui!

Seja bem vindo ao Ei Nerd.

ou

Login

Esqueceu a senha?

Não tem uma conta? Cadastre-se

Fechar
de

Processando arquivos...

Crítica: visuais, enredo e elenco fazem de Pantera Negra um ótimo filme
Pantera Negra: conheça os Cães de Guerra e a Dora Milaje
Os melhores momentos do Androide 17 em Dragon Ball Super
Com muitos mistérios, veja os melhores momentos do 1º trailer de Venom
Cobra Kai, série que continua história de Karatê Kid, ganha 1º teaser; veja
Crítica: visuais, enredo e elenco fazem de Pantera Negra um ótimo filme
Entenda as duas cenas pós-crédito de Pantera Negra
Vingadores: Guerra Infinita teve cenas gravadas no Brasil, diz produtora
Amazon e Saraiva dão descontos de até 80% em livros e mais
Quem é a Fantasma, vilã de Homem-Formiga e a Vespa
Escritor fala sobre críticas à revista do Batman e Mulher-Maravilha
Batman voltará a usar uniforme com emblema amarelo nos quadrinhos
Em currículo, jovem cita ‘assistir Naruto’ como uma de suas habilidades
Último episódio de Dragon Ball Super pode ter revelado o desejo de Jiren
Os melhores momentos do Androide 17 em Dragon Ball Super
Dragon Ball Super: Universo 7 tem nova baixa no Torneio do Poder
Idosos brasileiros aprendem a programar games para exercitar a mente
controle das pernas
Chinês joga por 20 horas seguidas em lan house, passa mal e perde controle das pernas
A profissão desse cara é jogar ‘Clash Royale’, game exclusivo para celulares
Injustice 2 ganha trailer do gameplay com as Tartarugas Ninja; confira