As 10 melhores summons de Final Fantasy

Final Fantasy XV acabou de ser lançado pelo globo e os fãs já estão explorando um dos RPGs mais aguardados da década. Um elemento impressionante nos trailers é as invocações do jogo, que estão colossais em tamanho e poder: Titan, Ramuh e Leviathan foram vistos em alguns vídeos e nos deram ainda mais vontade de desafiá-los pra então ganhar o poder de invocá-los. Celebrando o retorno de uma das franquias de RPG mais clássicas de todos os tempos, aqui está uma lista das 10 melhores summons de Final Fantasy sem nenhuma ordem específica.

Alexander

A criatura de poder sagrado e aparência de fortaleza robótica fez sua estreia no Final Fantasy VI do Super Nintendo e se tornou um elemento chave na franquia, fosse como invocação, fosse numa das melhores animações de CGI do PlayStation One na batalha contra Bahamut no Final Fantasy IX, ou até mesmo como uma masmorra inteira em Final Fantasy XIV. Poucas outras invocações representaram o elemento sagrado na franquia, como Madeen em Final Fantasy IX e Ultima em Final Fantasy XII, afinal, Alexander é insuperável em imponência e originalidade.

Phoenix

Quando pensamos em Final Fantasy e em fogo, lembramos de Ifrit, mas a Phoenix tem um diferencial, apesar de não ser tão recorrente: ela causa dano e ressuscita ou cura os aliados – em alguns jogos, Phoenix recupera até mesmo os pontos de magia do grupo. Por sua utilidade, seu diferencial em gamplay e sua representatividade mitológica, Phoenix merece uma posição de destaque entre as invocações da série.

Crusader

Desde que as invocações surgiram em Final Fantasy III, há a tradição de existir aquela mais poderosa de todas, começando por Bahamut. Final Fantasy VI é o jogo da franquia principal com maior quantidade de summons e – se não me engano – o primeiro em que algumas magias podem causar dano tanto aos inimigos quanto aos aliados. O esper mais poderoso do jogo é Crusader – ou Jihad, na versão japonesa -, três entidades que batalham entre e espalham destruição em tudo no seu caminho sem fazer distinções – uma bela metáfora, não? Crusader é tão poderosa que é recomendado usá-la apenas com a magia reraise ativada em todo o time, que ressuscita o personagem automaticamente, pela alta probabilidade de você simplesmente ganhar um game over por invocar a summon mais poderoso do jogo.

Odin

Uma das poucas invocações que estão na franquia desde o Final Fantasy III, Odin é mais lembrado por acabar com a batalha de uma vez por todas ao matar instantaneamente todos os inimigos. Em algumas versões do jogo, ele provoca dano quando o adversário é imune ao efeito de morte instantânea, o que o torna ainda mais útil. Odin é tão importante que frequentemente exige toda uma masmorra e uma batalha bem difícil pra recrutá-lo e é até mesmo a invocação pessoal da protagonista de Final Fantasy XIII, Lightning.

Diablos

Tal qual ninguém imaginaria uma fortaleza robótica representando o elemento sagrado, todos esperariam que uma invocação com cara de capeta representaria as trevas, mas Diablos é mais uma prova da criatividade da Square Enix. Libertado quando o jogador o usa o item “lâmpada mágica”, o demônio se revela um chefe desafiador e um GF valioso em Final Fantasy VIII. Seu elemento é a gravidade e o dano que ele provoca é calculado de acordo com um percentual da vida máxima do adversário e o seu próprio nível, o que significa que ele pode provocar muito dano contra inimigos muito fortes sem dificuldades – e sem que você precise fuzilar seu dedo no controle no “boost”. Uma invocação com jogabilidade similar na franquia é o Atomos, que começou como chefe em Final Fantasy V e então eidolon em Final Fantasy IX.

Anima

Final Fantasy X é um dos jogos com mitologia e enredo mais complexos de todos os tempos. No mundo de Spira, os invocadores devem peregrinar pelo mundo até um dos seus guarda-costas se sacrificar pra se transformar na invocação mais poderosa de todas, que irá derrotar Sin, o monstro gigante que aterroriza o mundo. Acontece que o vilão Seymour completou a peregrinação e sua “Final Aeon” é a Anima, uma criatura em eterna agonia, capaz de provocar o sofrimento em qualquer um no seu caminho. Anima não só é uma figura muito importante dentro da história do jogo, como também representa conceitos filosóficos profundos, além de oferecer habilidades interessantes aos jogador, principalmente como “debuff”.

Ark

A invocação mais poderosa do Final Fantasy IX representa muitas coisas. Seu nome, Ark, significa “arca” e é uma referência à Arca de Noé e ao dilúvio. No FFIX, Alexander é o protetor do nosso mundo, um eidolon sagrado em formato de uma fortaleza imóvel, enquanto Ark é o protetor de um outro mundo, um eidolon das trevas em formato de um navio voador que se transforma em robô totalmente móvel – se fosse explicar em detalhes, o texto ficaria gigante. O item usado pra invocá-lo é uma “pedra flutuante”, um item chave pra conseguir o navio voador do primeiro Final Fantasy. Por fim, seu design faz referência ao jogo de nave Cruise Chaser Blassty, lançado pela Square Soft no mesmo ano do Final Fantasy original.

Eden

Final Fantasy VIII foi o primeiro jogo da franquia a quebrar o limite de 9.999 de dano – e fez isso em grande estilo. A invocação mais poderosa do game só pode ser obtida ao enfrentar um dos chefes mais difíceis ou um dos chefes finais, é o GF que exige mais XP pra passar de nível, tem a animação de batalha mais longa e pode provocar mais de 30 mil de dano sem dificuldades. O nome Eden faz referência ao Jardim de Éden bíblico e à Garden, uma instituição paramilitar do jogo.

Knights of the Round

Se Final Fantasy VIII começou com a tendência de ataques com mais de 10 mil de dano, Final Fantasy VII começou com a tendência de animações de batalha realmente longas e múltiplos ataques em um só, o que causa o mesmo efeito que quebrar o limite de 9.999. Knights of the Round é comumente lembrado como uma das invocações mais poderosas e legais da série, faz referência direta aos Cavaleiros da Távola Redonda das Lendas Arturianas e ainda fez um retorno triunfal como uma dos chefes mais difíceis em Final Fantasy XIV.

Bahamut

Final Fantasy é sobre fantasia em sua essência. Temos guerreiros e magos, elfos e goblins, chocobos e moogles. E dragões. Dragões comumente são os representantes supremos da fantasia e, em Final Fantasy, Bahamut é o representante supremo dos dragões. Desde sua primeira aparição no Final Fantasy original do Nintendinho, quando ele aumentou o poder das classes dos Guerreiros da Luz, ou quando surgiu como a invocação mais poderosa de Final Fantasy III, até mesmo suas várias versões em Final Fantasy VII ou como a fortaleza voadora e chefe final de Final Fantasy XII, Bahamut é uma peça central do enredo de vários jogos da franquia e com certeza um dos seus elementos mais icônicos – e eu nem preciso disfarçar que é a minha invocação favorita.

Invocações

final-fantasy-invocacoes

Faltaram muitas summons na lista, principalmente as mais clássicas, como Ifrit, Shiva, Carbuncle e Ramuh. A lista poderia se estender por 20 tópicos facilmente, mas você também pode registrar nos comentários abaixo qual é a sua invocação favorita, qual você espera encontrar no Final Fantasy XV e quais você nunca vai me perdoar por não ter listado aqui. Fique à vontade!

Autor: Bernardo Stamato.

Deixe seu voto

0 points
Up Down

Votos totais: 0

Up: 0

Porcentagem de upvotos: 0.000000%

Down: 0

Downvotes percentage: 0.000000%


Quer enviar uma lista ou artigo? (Pode até virar video no canal!) Clique aqui!

Seja bem vindo ao Ei Nerd.

ou

Login

Esqueceu a senha?

Não tem uma conta? Cadastre-se

Fechar
de

Processando arquivos...

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
guardiõesnovospersonagens2
4 personagens novos que aparecem em Guardiões da Galáxia Vol. 2
guardiõesintro2
5 explicações para as cenas pós-créditos de Guardiões da Galáxia Vol. 2
ucmintro2
5 teorias sobre a fase quatro do Universo Cinematográfico da Marvel
deadpoolintro2
10 motivos para aguardarmos ansiosamente o lançamento de Deadpool 2
Jack
Jack Sparrow será bem diferente em Piratas do Caribe 5
guardiõesnovospersonagens2
4 personagens novos que aparecem em Guardiões da Galáxia Vol. 2
03-how-i-met-your-mother
Séries da Fox, como How I Met Your Mother e Prison Break, saem da Netflix
guardiõesintro2
5 explicações para as cenas pós-créditos de Guardiões da Galáxia Vol. 2
(Foto: Magnus Sundholm för the HFPA)
Sylvester Stallone pode protagonizar filme de história em quadrinhos
America
Marvel revela que o Capitão América foi sempre um vilão
ggrf 2017
Game & Geek Rio Festival vai promover palestras Épicas!!!
thorragnarokintro1.2
3 momentos cruciais de Valquíria no trailer de Thor: Ragnarok
Tokyo
Filme live-action de Tokyo Ghoul revela novas imagens dos personagens
gohan dragon ball super
Dragon Ball Super: Gohan deve atingir poder máximo em próximo episódio
Code Vein
Bandai Namco revela seu novo RPG de vampiros Code Vein
Anime
DMM Pictures revela Anime-Gataris, um novo anime que chega no inverno
call of duty
Trailer de Call Of Duty: WWII é divulgado pela Activision; assista
marvel capcom infinite
Marvel vs. Capcom: Infinite ganha trailer, data de lançamento e preços
Avatar
Novas datas de lançamento de Avatar 2, 3, 4, e 5 são anunciadas
GTA
Novo modo ‘Pequenos e Furiosos’ de GTA Online chega dia 25 de abril