Christopher Nolan afirma que a Netflix “é apenas mais uma moda”

Christopher Nolan está viajando pelo mundo e frequentando vários eventos de divulgação para falar da sua nova produção, Dunkirk. O seu novo filme tem recebido muitos elogios por boa parte dos críticos, que destacaram  o estilo único, as cenas de ação realistas e a forma como o tema de guerra está sendo abordado. Não por acaso, o diretor está aproveitando todas as oportunidades que tem para falar mais a respeito de sua obra. 

Porém, é certo que muitos escritores famosos acabam tendo opiniões fortes e, algumas vezes, bem controversas a respeito de certos temas. E Nolan, que agora está aparecendo em todos os lugares possíveis, acabou deixando a sua língua correr demais. O diretor sempre deixou claro ter uma visão mais tradicional a respeito do cinema, tanto da forma de se gravar e produzir os filmes, como também quando falamos da exibição.

Por isso, não deve ser surpresa para ninguém que a visão do diretor a respeito da Netflix é algo um pouco… Incomum. Vários diretores, artistas e profissionais da indústria do cinema protestaram a respeito dos filmes da gigante de streaming que concorreram ao prêmio Palma de Ouro durante o Festival de Cannes. O El Mundo aproveitou a oportunidade, durante uma entrevista com Nolan, para falar a respeito do assunto, perguntando se ele se importaria se Dunkirk fosse visto em uma televisão ou na Netflix. Aqui, o diretor citou:

“Obviamente. A televisão existe desde a década de 50, e a Netflix é televisão. Quem se importa com a Netflix? Eu não acho que é algo que afeta tudo, não é nada mais do que uma moda passageira, uma tempestade em copo d’água. Qual é a definição de um filme? O que é um filme? Algo que dura duas horas? É um gênero particular? Nada disso. O que sempre definiu um filme é o ato de ver em uma sala de cinema. Nem mais nem menos. Então, o fato de que a Netflix está fazendo filmes para a televisão, competir no Oscar, ou o Festival de Cannes, significa apenas que ela usa os filmes como uma arma promocional. E nada acontece, eles podem fazer isso. Sim, se eu fosse o diretor de um festival de cinema eu não aceitaria, porque eles não são filmes. Mas isso é uma decisão para cada festival, ou para a Academia de Cinema.”

Surpreendente? Talvez, mas nada inesperado, vindo de Nolan. Obviamente, a opinião do diretor é algo no mínimo controverso. Não são muitos produtores dentro do mundo do cinema que teriam coragem de chamar o maior serviço de streaming do planeta como sendo “uma moda passageira”, especialmente quando a Netflix já passou da marca de 100 milhões de assinantes em todo o mundo – número que não para de aumentar.

Veja também:  Conheça Dark, série da Netflix que é considerada 'a nova Stranger Things'

Sem dúvida, Nolan tem todo o direito de ter a sua opinião a respeito do rumo que as produções cinematográficas estão tomando nos últimos anos… Assim como nós podemos também ter a nossa própria opinião a respeito do que ele parece acreditar.


Quer enviar uma lista ou artigo? (Pode até virar video no canal!) Clique aqui!

Seja bem vindo ao Ei Nerd.

ou

Login

Esqueceu a senha?

Não tem uma conta? Cadastre-se

Fechar
de

Processando arquivos...

Crítica: visuais, enredo e elenco fazem de Pantera Negra um ótimo filme
Pantera Negra: conheça os Cães de Guerra e a Dora Milaje
Os melhores momentos do Androide 17 em Dragon Ball Super
Com muitos mistérios, veja os melhores momentos do 1º trailer de Venom
Sword Art Online terá série em live-action produzida pela Netflix
Presidentes da Sony e Marvel quase se agrediram durante negociações
Brinquedo revela armadura de Thanos em Vingadores: Guerra Infinita
Vilão de Pantera Negra foi inspirado no filme Cidade de Deus
Amazon e Saraiva dão descontos de até 80% em livros e mais
Quem é a Fantasma, vilã de Homem-Formiga e a Vespa
Escritor fala sobre críticas à revista do Batman e Mulher-Maravilha
Batman voltará a usar uniforme com emblema amarelo nos quadrinhos
Sword Art Online terá série em live-action produzida pela Netflix
Após morte de dubladora, Bulma ganha nova voz em Dragon Ball Super
Em currículo, jovem cita ‘assistir Naruto’ como uma de suas habilidades
Último episódio de Dragon Ball Super pode ter revelado o desejo de Jiren
Idosos brasileiros aprendem a programar games para exercitar a mente
controle das pernas
Chinês joga por 20 horas seguidas em lan house, passa mal e perde controle das pernas
A profissão desse cara é jogar ‘Clash Royale’, game exclusivo para celulares
Injustice 2 ganha trailer do gameplay com as Tartarugas Ninja; confira