Desenhista de Dragon Ball Super quer que Broly esteja no mangá

O filme Dragon Ball Super: Broly deixa em aberto a possibilidade de um retorno do lendário saiyajin, mas sem dar muitas pistas sobre o futuro. A história serve como continuação dos eventos do anime, mas o desenhista Toyotaro, responsável pelo mangá de Dragon Ball Super, gostaria de adaptar Broly em suas páginas.

Veja também:  Estreia de Dragon Ball Super: Broly no Brasil bate recordes de bilheteria

Em entrevista ao site Kazenshuu, Toyotaro falou sobre a possibilidade de trazer Broly ao mangá, embora tenha se mostrado feliz pelo fato de isso não acontecer exatamente agora. “Eu sou muito agradecido que o filme tenha chegado antes do mangá, afinal se eu tivesse que desenhar todas aquelas cenas de luta do filme, eu não conseguiria colocar tantos detalhes nelas por causa do tempo. Quando chegar a hora, eu gostaria de usar o filme como uma referência para fazê-lo ficar muito legal da minha forma”, afirmou o desenhista.

Atualmente, o mangá de Dragon Ball Super acabou de iniciar um arco sobre um fugitivo da Patrulha Galáctica chamado Moro, o Devorador de Planetas, que promete ser um grande desafio para Goku, Vegeta e seus aliados.

Sobre Dragon Ball Super: Broly

Dragon Ball Super: Broly é o novo filme da franquia criada por Akira Toriyama e introduz o saiyajin lendário Broly de forma oficial na história. O longa se passa logo após os eventos do anime Dragon Ball Super e coloca Goku contra um inimigo cujo poder é praticamente insuperável.

O filme reconta a origem de Broly, o guerreiro que deu origem à lenda do Super Saiyajin. A história revela mais detalhes sobre a origem da raça da qual Broly, Goku, Vegeta e outros personagens da franquia fazem parte. A relação entre os guerreiros saiyajin e o exército do imperador Freeza, um dos maiores antagonistas do anime, também é explorada.

Confira o trailer:

Broly apareceu pela primeira vez em 1993, tendo sido criado pela Toei Animation e não fazendo parte do cânone. Dessa vez, Akira Toriyama, o criador da franquia, é o responsável pelo design dos personagens e roteiro.

Dragon Ball Super: Broly chegou aos cinemas do Japão em 14 de dezembro de 2018. O filme está em cartaz no Brasil desde 3 de janeiro de 2019.

Ei nerd, não deixe de conferir:


Quer enviar uma lista ou artigo? (Pode até virar video no canal!) Clique aqui!

Log in

With social network:

Or with username:

You’ll be automatically logged in 5 seconds.

Esqueceu a senha?

Não tem uma conta? Registre-se

Esqueceu sua senha?

Digite seus dados de conta e nós enviaremos a você um link para recuperar sua senha.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Log in

Privacy Policy

Fechar
de

Processing files…

Audi pode ter revelado quem salvará Tony Stark em Vingadores: Ultimato
Jason Momoa processa brasileiros que o acusaram de assediar sua filha
De Skrulls a Starforce: os prováveis vilões de Capitã Marvel
harvey weinstein
Harvey Weinstein será julgado em maio e poderá pegar prisão perpétua
My Hero Academia: criador se inspirou em Hellboy para criar All Might
A referência a Rick and Morty e Stranger Things em HQ da Arlequina
DC presta tributo a Stan Lee em todas as revistas do mês de janeiro
Saiba qual foi o primeiro super-herói criado por Stan Lee
Mangá de Dragon Ball Super mostra como o Dai Kaiohshin derrotou Moro
My Hero Academia: criador se inspirou em Hellboy para criar All Might
Dragon Ball Heroes terá o retorno de guerreiros do Universo 6
Desenhista de Dragon Ball Super quer que Broly esteja no mangá
Como seria uma mistura de Super Mario 64 com Portal? Confira
7 teorias loucas envolvendo as origens de alguns Pokémon
mario kart
Há 18 anos, casal de idosos joga Mario Kart diariamente para ver quem fará chá
Confira a lista de games gratuitos da PS Plus em janeiro de 2019
De Skrulls a Starforce: os prováveis vilões de Capitã Marvel
Origens, anos 90 e mais: os destaques do 3º trailer de Capitã Marvel
Robin, Estelar e mais: quem são os personagens da série Titãs
7 teorias loucas envolvendo as origens de alguns Pokémon
instagram
De volta ao normal! Mudança polêmica no feed do Instagram foi ‘acidental’
WhatsApp pode limitar encaminhamento de mensagens para só 5 contatos
Twitter libera opção para exibir ordem cronológica de tuítes
Os melhores aplicativos de 2018, segundo a Apple e o Google