Diretor se arrepende de Coringa não ter sido o vilão de Esquadrão Suicida

Esquadrão Suicida foi um dos filmes mais comentados e esperados de 2016. Apesar de ter sido bem recebido pelo público, foi avaliado negativamente pela crítica especializada. Além disso, Jared Leto, intérprete do Coringa, se mostrou bastante decepcionado que o personagem foi pouco explorado pelo filme, apesar das diversas cenas que gravou.

E parece que o diretor, David Ayer, escutou e deu razão as críticas de Leto. Tudo começou quando ele foi responder a um fã no twitter, que lhe elogiou pelo filme. Ayer agradeceu, mas parece que aproveitou para desabafar sobre os problemas que enfrentou com a produção de Esquadrão Suicida. E disse que, se pudesse, voltaria no tempo e faria do Coringa o vilão do filme:

“Gostaria de ter uma máquina do tempo. Eu faria do Coringa o vilão principal e trabalharia em uma história mais pé no chão. Preciso aprender o que foi bom e o que foi ruim. Adoro fazer filmes e adoro a DC. Larguei os estudos no Ensino Médio e pintava casas para viver. Tenho sorte de ter o trabalho que tenho. Preciso dar aos personagens as histórias e tramas que eles merecem da próxima vez. De verdade. (E não, não existe nenhuma edição secreta do filme com cenas deletadas do Coringa por aí).”

Ayer também se mostrou bastante chateado com as críticas negativas que o filme recebeu. “Nada dói mais do que abrir um jornal e ver alguns anos de sangue, suor e lágrimas serem despedaçado. O jogo do ódio está muito forte”, afirmou

Mas nem tudo foi em tom de desabafo e chateação. O diretor também se mostrou satisfeito em ver que Esquadrão Suicida foi um sucesso e de ter apresentado personagens pouco conhecidos da DC ao público. “O filme foi incrivelmente bem-sucedido comercialmente. E o mundo foi apresentado a personagens bem legais do universo DC. O sucesso se deve justamente ao poder e maravilha da DC, de seus personagens”, disse.

Veja também:  Os dragões mais famosos do cinema

Esquadrão Suicida estreou nos cinemas em agosto do ano passado. Apesar das críticas de especialistas, o longa foi bem recebido pelo público e arrecadou US$ 745.6 milhões em bilheteria. Por conta desse sucesso, uma sequência já está em produção, bem como um spin-off com a Arlequina, chamado Gotham City Sirens, e um filme solo do Pistoleiro.

Texto por Augusto Ikeda
Edição por Igor Miranda


Quer enviar uma lista ou artigo? (Pode até virar video no canal!) Clique aqui!

Seja bem vindo ao Ei Nerd.

ou

Login

Esqueceu a senha?

Não tem uma conta? Cadastre-se

Fechar
de

Processando arquivos...

Crítica: visuais, enredo e elenco fazem de Pantera Negra um ótimo filme
Pantera Negra: conheça os Cães de Guerra e a Dora Milaje
Os melhores momentos do Androide 17 em Dragon Ball Super
Com muitos mistérios, veja os melhores momentos do 1º trailer de Venom
Sword Art Online terá série em live-action produzida pela Netflix
Presidentes da Sony e Marvel quase se agrediram durante negociações
Brinquedo revela armadura de Thanos em Vingadores: Guerra Infinita
Vilão de Pantera Negra foi inspirado no filme Cidade de Deus
Amazon e Saraiva dão descontos de até 80% em livros e mais
Quem é a Fantasma, vilã de Homem-Formiga e a Vespa
Escritor fala sobre críticas à revista do Batman e Mulher-Maravilha
Batman voltará a usar uniforme com emblema amarelo nos quadrinhos
Sword Art Online terá série em live-action produzida pela Netflix
Após morte de dubladora, Bulma ganha nova voz em Dragon Ball Super
Em currículo, jovem cita ‘assistir Naruto’ como uma de suas habilidades
Último episódio de Dragon Ball Super pode ter revelado o desejo de Jiren
Idosos brasileiros aprendem a programar games para exercitar a mente
controle das pernas
Chinês joga por 20 horas seguidas em lan house, passa mal e perde controle das pernas
A profissão desse cara é jogar ‘Clash Royale’, game exclusivo para celulares
Injustice 2 ganha trailer do gameplay com as Tartarugas Ninja; confira