Edward Norton x Marvel: por que o ator não continuou no papel do Hulk

Nesses 10 anos de sucesso do Universo Cinematográfico da Marvel (UCM), existe um filme que costuma ser praticamente esquecido pelos seus fãs: O Incrível Hulk, lançado quando a franquia ainda dava seus primeiros passos. E de certa forma, parte da culpa caiu sobre o ator Edward Norton, que não continuou no papel do herói e foi substituído por Mark Ruffalo. Mas uma série de motivos causaram a sua saída da franquia. Entenda mais abaixo.

Lançado em junho de 2008, nos primórdios do UCM, o filme dirigido por Louis Leterrier é chamado por muitos como o gêmeo esquecido do Homem de Ferro, que foi lançado apenas um mês antes e se tornou um sucesso. Na teoria, O Incrível Hulk seria mais fácil de vender, já que o herói é mais popular e seria interpretado por Edward Norton, que já foi indicado ao Oscar duas vezes (e nessa época, Robert Downey Jr. estava voltando a atuar após alguns anos). Mas apesar de ter sido financeiramente um sucesso, o longa não foi o hit que a Marvel e a Universal, que possui os direitos de distribuição, esperavam.

Essa era uma era diferente, pois a Marvel Studios ainda estava longe de ser poderosa igual é hoje e a ideia de um universo compartilhado ainda parecia um sonho e algo difícil de botar em prática. Nessa época, o estúdio foi elogiado por assinar com Robert Downey Jr. e Samuel L. Jackson para vários filmes, mas também foi criticado por conta de seus salários baixos para atores coadjuvantes, trocar atores ao invés de renegociar contratos e exercer muita pressão criativa nos seus longas.

Veja também:  Edward Norton zomba da Marvel por história fraca de O Incrível Hulk

E foi esse último ponto que deixou Norton incomodado. Ele assinou contrato para O Incrível Hulk como ator e roteirista (e não foi creditado por isso). E conforme estipulado anteriormente, ele teve um mês para entregar o roteiro e continuou fazendo ajustes mesmo durante a produção do filme. Norton, aparentemente, também teria direito a opinar sobre o corte final do longa, mas ele e Louis Leterrier tiveram problemas com os produtores por conta disso.

No corte original de Norton e Letterier, O Incrível Hulk teria 135 minutos de duração. Mas a Marvel não quis nem saber: reduziu a duração do filme para 112 minutos e ele foi lançado desta forma.

Incomodado com a situação, Norton deixou bem claro que não participaria da divulgação de O Incrível Hulk se ele não estivesse satisfeito com o corte final do filme. Em uma declaração, chegou a desmentir isso, ao afirmar que “os filmes devem falar por eles mesmos e saber muitos detalhes de como eles são feitos diminui a mágica de assistí-los”. No entanto, o ator não quis mais comentar sobre o assunto em entrevistas e apareceu apenas em alguns eventos de lançamento do filme.

Tudo indicava que os problemas haviam sido esquecidos, só que a Marvel tinha planos de lançar o filme dos Vingadores. Logo, surgiram rumores de que o estúdio queria encontrar um substituto para Norton e Kevin Feige, presidente da Marvel Studios, acabou confirmando a informação.

“Tomamos a decisão de não escalar Ed Norton novamente para o papel de Bruce Banner em Os Vingadores. Nossa decisão não está baseada em fatores financeiros, mas precisamos de um ator que incorpore a criatividade e o espírito colaborativo dos demais membros do elenco”, disse Feige, que também afirmou que os demais atores escalados para o filme tinham esse espírito.

Sem grandes surpresas, a afirmação não foi bem vista pelo empresário de Norton, que a citou como “ofensiva” e uma forma de diminuir seu cliente. Ele lembrou que o ator estava em negociação com a Marvel e que ele chegou a se encontrar com o diretor Joss Whedon, mas que após algumas semanas de conversas e discussões, a Marvel optou por substituí-lo.

Mas antes que a briga entre as duas partes tomasse proporções maiores, o próprio Edward Norton botou panos quentes na situação. Em uma declaração, ele agradeceu todo o apoio dos fãs do Hulk e dos Vingadores e deixou claro sua decepção ao descobrir que não retornaria para o papel.

Veja também:  Filme O Incrível Hulk não deveria ser ignorado pela Marvel e seus fãs

“Eu cresci com Banner e Hulk e sempre fui fã de todas as versões. Estou orgulhoso e agradecido de ter sido uma delas e ficarei feliz de vê-lo vivo por meio de outros atores. O Hulk é maior que todos nós e é por isso que nós o amamos, não é mesmo?”, afirmou Norton.

Desde então, Norton quase não tocou no assunto. Ele só foi quebrar o silêncio em 2014, enquanto promovia o filme Birdman, ao afirmar que estava “muito orgulhoso” de ser parte da tradição do Hulk ser interpretado por “bons atores”, segundo suas palavras. E no último final de semana,  durante a gravação de um programa do canal Comedy Central, ele relatou que enfrentou problemas na produção de O Incrível Hulk por que “queria um roteiro melhor.”

De qualquer forma, já imaginou como seria o UCM se a Marvel e Edward Norton não tivessem se desentendido? Com certeza, a história do Hulk seria bem diferente dentro da franquia.

Fonte: CBR

Ei Nerd, não deixe de conferir:


Quer enviar uma lista ou artigo? (Pode até virar video no canal!) Clique aqui!

Log in

With social network:

Or with username:

You’ll be automatically logged in 5 seconds.

Esqueceu a senha?

Não tem uma conta? Registre-se

Esqueceu sua senha?

Digite seus dados de conta e nós enviaremos a você um link para recuperar sua senha.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Log in

Privacy Policy

Fechar
de

Processing files…

Quem ficou fora do 1º trailer de Vingadores: Ultimato – e por que
Mogli da Netflix é mais sombrio que o da Disney, garante Andy Serkis
Revival mais duradouro da Netflix, Fuller House estreia 4ª temporada
Multishow tem exibido episódios ‘inéditos’ de Chaves e Chapolin; veja lista
Marvel pode estar planejando destruir todo seu universo nas HQs em 2019
HQ de Guerra Infinita contradiz irmãos Russo sobre Thanos e Hulk
Coração de Ferro enfrenta vilões dos filmes da Marvel nos quadrinhos
Quem é Shang-Chi, o grande mestre de kung fu da Marvel
Anime de Sailor Moon voltará para a TV aberta no Brasil em 2019
Pôster de Dragon Ball Super: Broly confirma Goten e Trunks no filme
Dragon Ball Super: Broly tem estreia antecipada no Brasil
Produtores respondem críticas às heroínas de Saint Seiya: Saintia Shô
Spawn pode ser um dos personagens ‘convidados’ de Mortal Kombat 11
Red Dead Redemption 2 é o grande destaque do Brazil Game Awards 2018
Informações pessoais de jogadores de Fallout 76 vazam por erro no sistema
Geralt, do game The Witcher, será personagem de Monster Hunter: World
Quem ficou fora do 1º trailer de Vingadores: Ultimato – e por que
Batman, futuro e mais: 10 questões sobre o final do crossover Elseworlds
Todos os monstros do novo trailer de Godzilla II: Rei dos Monstros
10 teorias sobre o trailer de Vingadores: Ultimato
Os melhores aplicativos de 2018, segundo a Apple e o Google
iOS 12
Apple volta a produzir iPhone X após baixas vendas de modelos novos
Galaxy S10 deve ter modelo com tela gigante, 6 câmeras e conexão 5G
facebook
Facebook e Instagram ficam fora do ar em todo o mundo nesta terça-feira