James Cameron critica preconceito do Oscar com blockbusters

Existe uma ideia entre os mais aficionados pela indústria do cinema de que a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, responsável pelo Oscar, não costuma indicar filmes de grande sucesso, como os chamados blockbusters ou longas que arrecadaram bastante em bilheteria. E, dessa vez, quem reclamou dessa postura foi o diretor James Cameron.

Cameron, que dirigiu Titanic e Avatar, criticou o comportamento da Academia com relação aos filmes campeões de bilheteria:

“Poucas vezes na história do Oscar um filme altamente popular foi bem recebido. Geralmente a Academia assume a posição de ‘é nosso dever aristocrata dizer aos menos favorecidos o que eles deveriam assistir’, e eles não premiam os filmes que as pessoas realmente querem ver, aqueles que eles estão pagando dinheiro para ver. E a Academia está dizendo para eles ‘Sim, você acha que gosta disso, mas você deveria gostar disso’. E enquanto a Academia ver isso como o seu dever, não espere uma cerimônia de grande audiência. Espere um bom programa, e aquele dever cumprido, mas não chore pela baixa audiência. Titanic foi uma exceção. Não estou dizendo que o filme é melhor que outros filmes, mas foi um longa que fez uma montanha de dinheiro e teve muitas indicações. A próxima vez que isso acontecer, veremos a audiência subir. É simples assim.”

O diretor canadense também criticou o aparente preconceito da Academia com relação aos filmes que utilizam bastantes efeitos especiais:

“Definitivamente existe essa tendência. A maior parte dos membros da Academia é de atores. Olha, eu amo atores, mas é assim que eles pensam, geralmente são céticos em relação à tecnologia. Então eles olham para um filme que depende muito dos efeitos visuais e dizem ‘oh, isso não é um filme para atuação’”, disse.

Cameron finalizou a entrevista dizendo que provavelmente não será mais indicado ao Oscar em sua carreira: “eu duvido que serei indicado novamente ao Oscar, mas se eu fosse, provavelmente vou perder para um filme do Woody Allen”, comentou, em tom de ironia.

James Cameron já venceu o Oscar de Melhor Filme e Melhor Diretor uma vez, por Titanic, e foi indicado aos mesmos prêmios por Avatar.

Texto por Augusto Ikeda
Edição por Igor Miranda


Quer enviar uma lista ou artigo? (Pode até virar video no canal!) Clique aqui!

Seja bem vindo ao Ei Nerd.

ou

Login

Esqueceu a senha?

Não tem uma conta? Cadastre-se

Fechar
de

Processando arquivos...

Dragon Ball Super: a parceria de Gohan e Freeza e a promessa de Vegeta
5 personagens que poderiam aparecer no filme solo da Viúva Negra
Por que demorou tanto para a Marvel fazer o filme solo da Viúva Negra?
Seria Vingadores 4 uma adaptação da famosa Guerra Secreta da Marvel?
40 heróis estão em cena ao mesmo tempo em Vingadores: Guerra Infinita
David Letterman leva famosos a locais históricos em programa na Netflix
Estreia: Me Chame Pelo Seu Nome é uma das apostas para o Oscar 2018
Estreia: Novo American Crime Story foca no assassino de Versace
Thanos tem seu nome de batismo revelado nos quadrinhos
Arco Doomsday Clock traz referência a história clássica do Batman
Marvel lançará plataforma para fãs escreverem as próprias HQs
Homem-Aranha volta a ser hospedeiro do simbionte nos quadrinhos
Dragon Ball Super: a parceria de Gohan e Freeza e a promessa de Vegeta
Verão Otaku exibe filmes e séries nipônicas por uma semana em SP
Dragon Ball Super: Vegeta atinge próximo nível do Super Saiyajin Blue
Spoilers de One Piece revelam nova aliada da pirata Big Mom
Veja como será a versão Majin da Androide 21 em Dragon Ball FighterZ
PlayStation 4 Pro sairá no Brasil com preço salgado; saiba quando
Final Fantasy XV para PC já tem data para sair e exige configuração robusta
Dragon Ball FighterZ tem problemas e testes gratuitos devem continuar