supernatural

Por que a 15ª temporada de Supernatural será a última

Supernatural é uma das séries mais longas e queridas da televisão, mas na semana passada, seus fãs ficaram tristes com o anúncio de que a 15ª temporada será a última. Mas afinal de contas, por que essa decisão foi tomada pelo canal CW, que exibe o seriado na televisão americana?

O anúncio oficial ficou a cargo dos produtores executivos Robert Singer e Andrew Dabb, em um comunicado conjunto. Mais tarde, os atores Jared Padalecki, Jensen Ackles e Misha Collins gravaram um vídeo para comentar o fim de Supernatural no twitter. “Bem, é oficial. Uma rodada final para os irmãos Winchester, apesar de nada acabar de verdade em Supernatural, né?”, disse Ackles.

Supernatural é a série de ficção científica mais longa da história da TV americana, e mesmo após tantos anos de exibição, sempre continuou com sua popularidade em alta. Como vimos, não foi dada uma explicação oficial para o seu término, mas existem alguns pontos que podem ter contribuído para o cancelamento do seriado.

Veja também:  Fim de uma era: Supernatural será encerrada após 15ª temporada

O primeiro motivo que pode ser citado é o natural desgaste do elenco com relação à série. Jared Padalecki, Jensen Ackles e Misha Collins, entre outros nomes, viram suas carreiras se tornarem relevantes graças a Supernatural e, com certeza, já devem ter recebido propostas atraentes para participar de filmes de Hollywood, que sabemos que são muito mais lucrativos.

No entanto, os três já devem ter recusado muitas delas justamente por conta desse comprometimento com Supernatural. Além disso, deve ser cansativo fazer o mesmo papel por tanto tempo em uma profissão que oferece diversas oportunidades interessantes, não é mesmo?

Outra razão que pode explicar o cancelamento da popular série é o seu lado criativo. O criador Eric Kripke sempre disse que não imaginava que o seriado passasse de cinco temporadas.

Se levarmos em conta que a 15ª foi anunciada, ou seja, já é três vezes maior do que Kripke planejava fazer, é possível supor que após tantos anos, as ideias para novos episódios podem estar se esgotando, tornando o processo criativo do seriado ainda mais estressante e complicado. Realmente, não deve ter sido fácil desenvolver e planejar os mais de 300 episódios já exibidos até o momento.

E um terceiro ponto que pode ser citado (e até tem um pouco de relação com o último) é que Supernatural falhou em tentar criar séries spin-off baseadas nas aventuras dos irmãos Winchester.

Veja também:  Supernatural chega ao 300° episódio; saiba como ele será

Durante os anos de exibição, os produtores tentaram desenvolver essas séries paralelas para se aproveitar da popularidade de Supernatural. No entanto, Supernatural: Bloodlines e Wayward Sisters não passaram do episódio piloto, enquanto que Ghostfacers ficou limitada a um único webisode (episódio exibido apenas online). Já a série que seria inspirada em Samuel Colt sequer saiu do papel.

Essa razão casa muito bem com uma possível crise criativa. Se essas séries não conseguiram ser devidamente desenvolvidas, é um ponto que mostra que o processo de criação já não andava tão bem assim há alguns anos.

Apesar de essa ser uma notícia de chateou muitos fãs, ainda há um aspecto positivo nessa história. Ao menos, os irmãos Winchester poderão concluir suas aventuras com chave de ouro, diferente do que aconteceu com outros seriados famosos.

Um bom exemplo são as séries da parceria Marvel/Netflix, canceladas recentemente. Os seus fãs não terão a chance de se despedir do Demolidor, Jessica Jones, Luke Cage e Punho de Ferro da maneira que queriam, sem falar que suas histórias também não foram devidamente concluídas.

Ou seja, ao menos os responsáveis pensaram um pouco nos fãs e lhes darão a oportunidade de, ao menos, poder se despedir da maneira digna das aventuras de Sam e Dean Winchester.

Se você sempre acompanhou a série desde sua estreia em 2005, então faça questão de aproveitar e muito bem os 20 últimos episódios de Supernatural. A 15ª temporada deve fazer sua estreia no mês de outubro.

Ei nerd, não deixe de conferir:


Quer enviar uma lista ou artigo? (Pode até virar video no canal!) Clique aqui!

Log in

With social network:

Or with username:

You’ll be automatically logged in 5 seconds.

Esqueceu a senha?

Não tem uma conta? Registre-se

Esqueceu sua senha?

Digite seus dados de conta e nós enviaremos a você um link para recuperar sua senha.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Log in

Privacy Policy

Fechar
de

Processing files…

vingadores
Diretores de Vingadores: Ultimato dizem que teorias quase acertaram
Game of Thrones: Kit Harington se ‘engasga’ em cena de beijo com Emilia Clarke
10 momentos importantes para lembrar antes de Vingadores: Ultimato
Estudantes criam algoritmo para prever mortes em Game of Thrones
John Constantine já roubou os poderes do Shazam! nas HQs
CCXP: ingressos para a Comic Con 2019 estão à venda; veja os valores
Carnificina aparece com novo visual nos quadrinhos; veja
Capitão Marvel? Shazam! já causou disputas judiciais entre DC e Marvel
One Punch Man: Saitama e Genos têm nomes oficiais de herói revelados
Mangá de My Hero Academia coloca os vilões em uma grande guerra
Novo episódio de One Punch Man tem cena pós-créditos; entenda
Mangá de Boruto: Naruto Next Generations terá luta importante
Shao Kahn é apresentado em novo trailer de Mortal Kombat 11; assista
Assassin’s Creed: Unity ajudará a reconstruir Catedral de Notre-Dame
8K, SSD e mais: Sony revela vários detalhes sobre o PlayStation 5
Mortal Kombat 11 ganha trailer revelando habilidades de Kitana; assista
10 momentos importantes para lembrar antes de Vingadores: Ultimato
Game of Thrones: 10 perguntas que o 1° episódio da 8ª temporada deixou
Professor Hulk: conheça a origem e os principais poderes dele
Game of Thrones: entenda a montaria de Jon Snow em um dragão
whatsapp
Nova atualização do WhatsApp poderá bloquear capturas de tela nas conversas
whatsapp
Na Índia, WhatsApp lança ferramenta de checagem de notícias dentro do app
Facebook lança aba específica para jogos do Facebook Gaming
Celulares da Xiaomi chegam ao Brasil por até R$ 3 mil