Por que Thanos só decidiu atacar agora em Vingadores: Guerra Infinita?

Em Vingadores: Guerra Infinita, todos já estamos cansados de saber que Thanos finalmente atacará o universo. E quando falamos finalmente, é com o sentido literal da palavra: o Titã Louco sempre foi o grande vilão do Universo Cinematográfico da Marvel (UCM), mas apareceu pouquíssimas vezes e quase não teve impacto em sua história.

Thanos foi introduzido no primeiro filme dos Vingadores, após aparecer na cena de meio de créditos do longa e descobrirmos que ele foi o grande responsável pelo ataque na Terra liderado por Loki. Ele apareceu novamente em Guardiões da Galáxia, e dessa vez, fez Ronan, o Acusador, ir atrás da Joia do Poder.

Depois, apareceu na cena de meio de créditos de Vingadores: Era de Ultron, onde decidiu que faria tudo por conta própria a partir de agora. E desde então, sumiu da franquia e só reapareceu, como nós já presumimos, em Thor: Ragnarok, para finalmente tomar o Tesseract/Joia do Espaço das mãos de Loki.

Sabemos que a linha do tempo da Fase 3 do UCM está bagunçada por conta do Homem-Aranha, mas já se passaram seis anos no mundo real desde a primeira aparição do gigante roxo e ele praticamente não fez progresso algum: Thanos passou a maior parte das duas primeiras fases nas sombras, apenas usando fantoches para conseguir as Joias do Infinito. E se excluirmos as cenas pós-créditos, ele apareceu apenas em um filme durante toda a franquia.

Mas afinal, existe uma explicação para essa demora em Thanos atacar? Entenda mais sobre o assunto abaixo.

O plano de Thanos

Bem, conforme revelado nos trailers de Vingadores: Guerra Infinita, o grande objetivo de Thanos é trazer um “equilíbro” ao universo, mas com a intenção de matar metade de todos os seres vivos que nele estão. Para isso, precisa das Joias do Infinito, o que lhe dará os mesmos poderes de um Deus e lhe permitirá fazer o que quer apenas com um estalar de dedos.

Veja também:  3%, série brasileira da Netflix, é renovada para a terceira temporada

É um plano até inteligente utilizar “fantoches” para pegar as joias: já chamaria e muito a atenção pegar apenas uma delas, imagine então as seis de uma única vez. É mais fácil fazer Loki e Ronan irem atrás das joias, até por que, eles tinham motivos particulares para fazer isso, e conseguir a recompensa posteriormente.

E essa estratégia de ficar nas sombras funcionou: as únicas pessoas que têm ideia do perigo que Thanos representa são os Guardiões da Galáxia, graças ao conhecimento amplo de Gamora sobre o vilão, e nem mesmo a equipe cósmica sabe o que o Titã Louco pretender fazer exatamente. Thor passou dois anos investigando o motivo das joias terem se tornado tão importantes e nem chegou perto de descobrir a verdade.

Thanos, com certeza, está planejando seus passos desde Vingadores: Era de Ultron. Ele sabe que boa parte das Joias do Infinito estão na Terra e que será um desafio pegá-las, já que elas estão nas mãos dos Vingadores. E se considerarmos o atual panorama do UCM, parece que é realmente o momento perfeito em atacar nosso planeta.

Os grandes protetores do UCM morreram

No primeiro filme da franquia, em Homem de Ferro, Nick Fury mencionou um “grande universo” para Tony Stark. E agora, já sabemos que existem poderosas forças cósmicas que podem ameaçar nosso planeta. A linha do tempo da franquia já retratou os primórdios da existência e já encontramos figuras com imenso poder nos longas do UCM. Só que muitas delas foram dessa para melhor.

Primeiro, em Doutor Estranho, vimos a morte da Anciã. Por milênios, ela foi a grande mestra de feiticeiros e era capaz de ver diferentes realidades. Mas em 2016, foi morta (até onde sabemos) por seu antigo aluno, Kaecillius. Agora, um novo e jovem Mago Supremo teve de assumir esse posto, no caso, o próprio Stephen Strange, que não faz uso dos poderes da Dimensão Negra, como ela fazia. Mas sabemos que o herói conseguiu afastar a ameaça de Dormammu do nosso planeta com a ajuda do Olho de Agamatto/Joia do Tempo.

Veja também:  James Mangold e Dafne Keen querem fazer um filme solo da X-23

Depois, em Guardiões da Galáxia Vol.2, é introduzido Ego, que seria o último ser celestial. Ele mostrou ter poderes imensos, mesmo sem a necessidade de uma Joia do Infinito. Só que a destruição de seu planeta vivo acabou com essa linhagem de seres poderosos do universo. Seu filho, Peter Quill/Senhor das Estrelas até mostrou ter poderes celestiais, mas ficou claro que ele os perdeu após a morte de seu pai.

Sim, Ego mostrou ser um vilão, mas com certeza, poderia ser uma ameaça para Thanos e seu exército. Assim, tirá-lo da jogada foi algo que o Titã Louco deve ter apreciado e muito.

E, finalmente, temos Odin e Asgard. O pai de Thor acabou morrendo em Thor: Ragnarok, e seu reino foi destruído após seus filhos libertarem Surtur para interromper a ameaça de Hela. E todos sabemos que o Deus do Trovão apenas descobriu seus poderes verdadeiros agora e que ainda precisa aprimorá-los.

Assim, em questão de dois anos, a Marvel removeu, aos poucos, todos os seres antigos e poderosos da jogada e passando seu manto para descendentes que ainda estão aprimorando seus poderes e conhecimentos. E se você levar em conta que Capitão América: Guerra Civil dividiu os Vingadores e que Pantera Negra fez Wakanda se abrir para o planeta, boa parte da Fase 3 teve como objetivo acabar com coisas do passado e deixar várias feridas abertas que o Titã Louco pode muito bem explorar em seu favor.

Thanos, então, está apenas atacando agora justamente por perceber que esse é o momento certo.

Thanos pode atacar esses descendentes

Se a intenção da Marvel era realmente fazer isso é algo que pode ser discutido, mas a verdade é que todos esses eventos aconteceram, e pode ser que tenham ocorrido realmente com algum intuito em mente.

Veja também:  Guerra Infinita: fórum dedicado a Thanos vai banir metade dos membros

Se tudo isso realmente for verdade, até podemos dizer que Vingadores: Guerra Infinita se trata de uma batalha temática. Alguns inimigos do vilão são os descendentes dessas três figuras citadas acima e que assumiram seus mantos, ou no caso do Homem de Ferro e o Capitão América, personagens que querem abandonar seus passados. E se observarmos por outro lado, muitas faces de Vingadores 3 perderam algum tipo de mentor e ainda não se aprimoraram devidamente. É outra questão que mostra por que Thanos optou por atacar apenas agora.

Mas, claro, também pode ser um grande equívoco do Titã Louco. Ele pode estar subestimando os poderes desses sucessores e cravar sua derrota. Nos quadrinhos, Thanos já foi derrotado por Nebulosa e o último trailer de Vingadores: Guerra Infinita deu a entender que Gamora pode ser uma figura importante para vencê-lo.

O Outro já havia lhe dito na cena de meio de créditos de Vingadores que “desafiá-los é cortejar a morte”. Thanos deveria ter se lembrado dessas palavras.

Fonte: Screen Rant

Deixe seu voto

4 points
Up Down

Votos totais: 4

Up: 4

Porcentagem de upvotos: 100.000000%

Down: 0

Downvotes percentage: 0.000000%


Quer enviar uma lista ou artigo? (Pode até virar video no canal!) Clique aqui!

Seja bem vindo ao Ei Nerd.

ou

Esqueceu a senha?

Não tem uma conta? Cadastre-se

Forgot your password?

Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Fechar
de

Processando arquivos...

Edward Norton x Marvel: por que o ator não continuou no papel do Hulk
Homem-Aranha: Longe de Casa pode introduzir o Camaleão; entenda
Dragon Ball Heroes: o ki maligno de Cumber e a aparição de Cooler
Dragon Ball: a importância de transformar Broly em personagem oficial
Vem, X-Men no MCU! Comcast desiste de comprar Fox e Disney é única interessada
Lucasfilm anuncia que vai concluir Star Wars: A Guerra dos Clones; veja trailer
Better Call Saul alcançará Breaking Bad na 4ª temporada; veja trailer
Série live-action da Stargirl é anunciada para plataforma exclusiva da DC
Turma da Mônica vai ganhar crossover com o Menino Maluquinho
Por que J. Jonah Jameson odeia tanto o Homem-Aranha?
Livro revela a anatomia dos heróis e vilões da DC Comics
Marvel, DC e quadrinistas lamentam a morte de Steve Ditko
Artes conceituais de Dragon Ball Super: Broly mostram visual do vilão
Dragon Ball Heroes ganhará 3° episódio, mas só em setembro; veja sinopse
Dragon Ball Heroes: o ki maligno de Cumber e a aparição de Cooler
Novo episódio de Dragon Ball Heroes mostra poder do Saiyajin maligno Cumber
Neymar vira personagem que só cai no GTA V; veja vídeo
Dragon Ball FighterZ terá Goku e Vegeta clássicos como lutadores extras
League of Legends lança ícones de youtubers famosos e jogadores se revoltam
Quem é Shedinja, o misterioso Pokémon que é quase invencível