Será que veremos o Quarteto Fantástico no Universo Cinematográfico da Marvel?

Quando a Marvel e a Sony entraram em um acordo para trazer o Homem-Aranha ao Universo Cinematográfico da Marvel (UCM), nem é preciso dizer que os fãs ficaram entusiasmados com a notícia. O herói fez seu debute em Capitão América: Guerra Civil, e Homem-Aranha: De Volta ao Lar estreia nos cinemas em menos de um mês.

Com tal parceria, será que é possível a Marvel conseguir fazer um acordo semelhante com a Fox e trazer o Quarteto Fantástico para o UCM? Já quer uma resposta curta e rápida? Não deve acontecer antes de 2022.

Entenda as razões abaixo:

Como a Fox conseguiu os direitos do Quarteto Fantástico?

quartetofantastico1

De início, a Fox não comprou os direitos da Marvel, mas realidade, os herdou do estúdio alemão Constantin Film, que fez um acordo com a editora em 1986.

Na década de 70 e 80, era comum ver a Marvel tentar vender os direitos de seus heróis para Hollywood. As séries de TV do Hulk e do Homem-Aranha, e filmes como Howard, o Pato (1986), O Justiceiro (1989) e Capitão América (1990) são alguns exemplos. E os direitos do Quarteto pararam nas mãos da Constantin Films.

Mas segundo os termos do acordo, os direitos retornariam as mãos da Marvel se a Constantin não começasse a produção do filme até 31 de dezembro de 1992. Só que ela não sabia como iria fazer um longa com quatro super-heróis, com diferentes poderes, sem ter de utilizar um orçamento considerável. A Constantin pediu a prorrogação do prazo, mas a Marvel não aceitou, após ver a boa recepção do público com Batman e Batman: O Retorno.

Desesperada, a Constantin escolheu o diretor Roger Corman (famoso por dirigir os famosos filmes B) para começar a gravar o longa, com um orçamento enxuto de US$ 1 milhão. Corman fechou contrato, e as filmagens começaram em 28 de dezembro, apenas três dias antes do prazo inicial expirar.

Mas havia um grande problema: além de Corman, o elenco e a equipe de produção, ninguém queria que o filme fosse lançado. Sua estreia estava marcada para 1994, mas foi cancelada pela própria Constantin e a Marvel. Essa história até foi contada em um documentário, mas isso teve um lado bom para o estúdio: os direitos foram automaticamente renovados por mais sete anos.

Veja também:  Por que a morte de Stan Lee marca o fim de uma era

Mesmo assim, em 1999, a Constantin ainda não havia produzido um novo filme, mas nesse meio tempo, se juntou a Fox, que tinha uma boa relação com a Marvel por conta da franquia X-Men. A Constantin e a Fox pediram a extensão do contrato, e a editora – ainda enfraquecida pela crise que viveu na década de 90 – o prorrogou para mais dois anos.

A produção de Quarteto Fantástico, lançado em 2005, começou apenas um ano antes, o que indica que o acordo foi estendido, pelo menos, mais uma vez. Mas parece que não houve qualquer tipo de renegociação desde 2002. Assim, parece que a Fox e a Constantin possuem direitos perpétuos sobre a equipe de heróis, que só irão expirar se passarem mais sete anos sem a produção de um novo filme.

Por isso que a Fox produziu o reboot da equipe em 2014 (exato sete anos após o filme mais recente), senão perderia os direitos para a Marvel. Mas todos sabem que o longa foi um verdadeiro desastre. Se levarmos em conta o contrato, caso um novo filme não seja produzido até 2022, a Fox e a Constantin perderão os direitos sobre o Quarteto Fantástico.

Mas afinal, quem é a dona dos direitos? A Fox ou a Constantin?

quartetofantastico2

Apesar de estar claro que a Fox e a Constantin controlam os direitos do Quarteto Fantástico nas telonas, até hoje não ficou muito evidente como ocorre essa divisão. A Constantin produziu quatro filmes, e a Fox distribuiu três. Para complicar, existem dois tipos de direitos: os de produção e os de distribuição.

Apesar das possibilidades, podemos considerar que a Constantin possui em mãos os direitos de produção desde 1986, enquanto que a Fox é a responsável pela distribuição desde o acordo de 1999.

Veja também:  Stan Lee criou super-herói inédito antes de morrer, revela filha do quadrinista

Mas por que essa distinção é importante? No final do ano passado, a companhia que controla a Constantin anunciou que estava pensando em vender suas empresas para focar na transmissão de eventos esportivos. Se isso acontecer, os direitos de produção estarão livres e podem ser adquiridos por outro estúdio. Ou voltar para as mãos da Marvel.

Mesmo que a Marvel consiga os direitos de produção, isso não significa que veremos o Quarteto Fantástico no UCM tão cedo. Um acordo de distribuição feito com a Universal impede a Marvel de fazer outro filme semelhante com o do Hulk (que foi distribuído pela própria Universal). E não há razão para acreditar que a Marvel e a Fox irão trabalhar juntas em um novo longa da equipe.

A relação entre a Fox e Marvel/Disney

quartetofantastico3

Apesar do bom relacionamento entre a Marvel e a Fox durante a década de 90, ele esfriou bastante nos últimos anos. Tudo por que a própria Marvel se tornou rival da Fox.

Em 2012, a Disney, que é dona da Marvel, comprou a Lucasfilm e anunciou os novos filmes da saga Star Wars. Só que a franquia criada por George Lucas sempre foi associada justamente com a Fox.

Ou seja, a Disney tirou das mãos da Fox a sua maior e mais popular franquia nos cinemas, e não recebeu nada em troca.

Para piorar, em 2013, a Marvel anunciou uma parceria com a Netflix para produzir a série do Demolidor, uma propriedade que estava nas mãos da Fox, mas que fugiu de seu controle por volta de 2010. Muitos rumores afirmam que o estúdio não deixará outro direito seu retornar para a Marvel/Disney sem ganhar algo em retorno.

Outras informações dizem que a Marvel está tentando sabotar a Fox, após diminuir os investimentos nos X-Men nos quadrinhos. Por exemplo, ela teria pedido para os escritores e artistas não criarem novos personagens (pois assim, estariam em controle da Fox). Além disso, a editora cancelou o quadrinho do Quarteto Fantástico antes do lançamento do reboot. Independente se esses rumores são realmente verdade ou se trata apenas de uma série de coincidências, as tensões entre a Marvel e a Fox aumentaram consideravelmente nos últimos tempos.

Veja também:  Como seria o final original de Liga da Justiça, segundo Zack Snyder

Será possível construir um acordo entre os estúdios?

quartetofantastico4

Apesar do que foi dito acima, ainda há uma chance, mesmo que remota, de o Quarteto Fantástico fazer parte do UCM. A Fox não parece mais interessada na franquia, pois agora está concentrando seus esforços nos X-Men.

Uma possibilidade é a Fox abrir mão dos direitos da equipe, em troca de mais material relacionado aos X-Men. Com o gênero de super-heróis se popularizando na televisão, com certeza a Fox tem como intuito levar parte da equipe de mutantes para as séries televisivas. Só que a Marvel já está fazendo isso, e é improvável que ela queria vender os direitos de mais heróis para outro estúdio.

Outra opção é esperar o tempo passar, torcer para que o relacionamento entre os dois estúdios melhore até 2022, e criar um acordo semelhante ao que foi feito com o Homem-Aranha. Já que o Quarteto Fantástico não será páreo com os X-Men, há uma grande possibilidade da Fox não saber o que fazer com a franquia até lá. Com o desastre do reboot lançado em 2015, já seria um prêmio de consolação lucrar 50% do que a Marvel conseguir fazer com um novo filme da equipe.

Apesar disso, a probabilidade da Fox fazer um novo acordo com a Marvel, até que o atual prazo termine, é praticamente zero. Sim, o Quarteto Fantástico pode fazer parte do UCM um dia, mas não antes de 2022.

Fonte: CBR


Quer enviar uma lista ou artigo? (Pode até virar video no canal!) Clique aqui!

Log in

With social network:

Or with username:

You’ll be automatically logged in 5 seconds.

Esqueceu a senha?

Não tem uma conta? Registre-se

Esqueceu sua senha?

Digite seus dados de conta e nós enviaremos a você um link para recuperar sua senha.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Log in

Privacy Policy

Fechar
de

Processing files…

Novo trailer do filme live-action de Dumbo é divulgado; assista
Como Thanos sobreviveu à destruição de Titã em Guerra Infinita
Violência, romance e sexo na nova fase da série Outlander
Assinatura da Crunchyroll agora pode ser paga em Real; veja os valores
stan lee
Stan Lee criou super-herói inédito antes de morrer, revela filha do quadrinista
Stan Lee trabalhava em nova série de TV antes de sua morte
Possível última foto em que Stan Lee aparece é divulgada; veja
Crimes e falência: a conturbada relação entre Stan Lee e o Brasil
Assinatura da Crunchyroll agora pode ser paga em Real; veja os valores
Por que Broly e Whis lutarão em Dragon Ball Super: Broly? Entenda
Quais Pokémons apareceram no 1º trailer de Detetive Pikachu?
Voz de Broly fala sobre motivação do vilão em Dragon Ball Super: Broly
Game de Harry Potter no estilo de Pokémon Go ganha trailer; assista
Enem 2018 teve questão de matemática relacionada ao jogo Minecraft
Dona do League of Legends, Riot Games é acusada de assédio sexual
Microsoft disponibiliza PES 2019 gratuitamente para Xbox One
Jovens Titãs, Simpsons e mais: 10 aparições de Stan Lee fora dos filmes da Marvel
Quais Pokémons apareceram no 1º trailer de Detetive Pikachu?
Exército, DC e mais: 11 curiosidades da vida de Stan Lee
The Walking Dead: o que mudou na série após a saída de Rick
Novos modelos de iPhone chegam ao Brasil atraindo poucos clientes
Samsung apresenta seu aguardado smartphone com tela dobrável
Apple deve lançar app de streaming para concorrer com Netflix em 2019
Estratégia e câmbio: por que os novos iPhone estão tão caros no Brasil